Seis motivos para visitar Curitiba

A capital do Paraná, Curitiba, não deve ser lembrada apenas pelo seu clima frio na maior parte do ano. Com áreas verdes, além de uma grande diversidade de parques e museus, ela pode oferecer gastronomia variada e muitos passeios culturais ou ecológicos.

A distância entre Curitiba e São Paulo é de cerca de 400 km. Uma distância razoável, mas que vale a pena ser enfrentada, uma vez que a capital paranaense tem muito a revelar a seus turistas. Abaixo, conheça um pouco mais sobre os principais pontos turísticos da cidade:

Jardim Botânico

O Jardim Botânico é o principal ponto turístico representante da capital paranaense. Sua inegável beleza atrai turistas que procuram se conectar com a natureza, em um local em que é possível tirar belas fotos e fazer piqueniques ao lado da família. São 178 mil m² para você explorar e deixar-se encantar.

O ponto mais procurado do lugar é a sua bela estufa de vidro, inspirada no Palácio de Cristal de Londres. Por lá o visitante tem a oportunidade de não apenas admirar, mas também conhecer diversas espécies de plantas tropicais, o que dá ao passeio um caráter educativo.

Ópera de Arame

Esse é outro ponto de visitação que chama a atenção pela sua arquitetura. Conhecer e tirar fotos da bela estrutura já vale o passeio, mas o local é bem mais do que apenas um teatro.

Ele também abriga o Vale da Música, uma iniciativa que tem o objetivo de incentivar a diversidade musical com apresentação de artistas de vários gêneros musicais. O mais chamativo é que as apresentações acontecem em um palco flutuante, o que as torna ainda mais memoráveis.

Parques curitibanos

Para quem gosta de programas na natureza, Curitiba abriga uma diversidade de 30 parques que podem ser visitados e proporcionam boas memórias. Um deles é o Parque Tanguá, muito procurado por moradores e turistas que querem apreciar a vista da cidade e o pôr do sol.

O Parque Tingui é outra recomendação para os turistas. O seu nome homenageia os povos indígenas que moravam originalmente nas terras curitibanas. Outra atração do local é o Memorial Ucraniano, em homenagem aos imigrantes que foram para a cidade no final do século XIX. É fortemente marcado pelas casas de madeira, bosques e flores.

O Parque Barigui também é bastante visado pelos turistas. Ele tem 1,4 milhão de m² de área verde. No lago do parque vive um jacaré-de-papo-amarelo, que pode ser visto tomando sol tranquilamente ali. O parque também conta com pistas de corrida e patinação, ciclovia, churrasqueiras e o Museu do Automóvel, ótimo para quem aprecia carros antigos.

Largo da Ordem

Quem deseja conhecer mais sobre a parte histórica da cidade, precisa ir ao Largo da Ordem. Aos domingos é realizada uma feira que ocupa mais de três quadras da região, com centenas de barracas nas quais o visitante pode degustar a gastronomia e comprar peças de artesanato.

Uma ida ao local ainda permite que você conheça a primeira igreja da capital, assim como a mesquita Iman Ali Idn Abi Tabit. Durante a noite, o local também é atrativo: são vários os restaurantes e bares que os turistas podem conhecer. Há cardápios para todos os gostos.

Museu Oscar Niemeyer

Curitiba conta com uma variedade de museus que chamam a atenção de seus moradores e dos turistas. O mais conhecido é o Museu Oscar Niemeyer, cujo nome faz referência ao ilustre arquiteto que o projetou.

São 35 mil m² de área construída, além de 17 mil m² de área expositiva. O local abriga a maior coleção de arte da cidade, com exposições variadas apresentadas ao longo do ano.

Passeio a Morretes

Um dos passeios que mais chama a atenção dos turistas é o bate-volta até a cidade de Morretes pela Serra do Mar. A ida para a cidade, fundada em 1721 e que abriga vários edifícios históricos, pode ser feita tanto por trem quanto pela estrada graciosa. O passeio já se justifica apenas pela vista cheia de natureza ao longo do trajeto.

2 thoughts on “Seis motivos para visitar Curitiba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *