Sinais de que é hora de trocar sua geladeira

A invenção da geladeira revolucionou o armazenamento dos alimentos, que agora podem durar vários dias. No entanto, esse é um eletrodoméstico que funciona 24 horas, diariamente, então é normal que seu desempenho não seja o mesmo com o passar dos anos.

Para garantir que os seus alimentos fiquem sempre bem conservados, é importante trocar o aparelho de tempos em tempos. Como saber se já é a hora de comprar um eletrodoméstico novo? Ele começa a dar sinais e você deve estar atento a eles.

Quanto tempo dura uma geladeira?

A duração de um refrigerador depende das condições de uso e até de detalhes, como a corrente de ar da sua casa e a limpeza periódica, que influenciam bastante. O modelo e a marca também fazem diferença e quase sempre compensa investir um pouco mais em uma marca conhecida por oferecer boa duração.

No entanto, mesmo que você seja o melhor dono do mundo e escolha a melhor marca, nenhum eletrodoméstico dura para sempre. Em geral, entre 6 e 10 anos é normal que a maioria dos modelos apresente alguma falha. E é nesse momento que você precisa ficar mais atento aos sinais.

Em alguns casos, um bom reparo pode garantir mais alguns anos de funcionamento para a sua geladeira. Se os pedidos por oficina começarem a ficar frequentes, no entanto, é hora de começar a separar um dinheiro para comprar um aparelho novo.

No que devo reparar?

Qualquer mudança no funcionamento da sua geladeira, nas mesmas condições de uso e clima, pode identificar que algo não vai bem. Se ela sempre gelou rápido e agora está mais lenta, por exemplo. Além disso, conheça os sinais mais comuns na maior parte das marcas e modelos.

Aumento na conta de energia

Já ouviu falar que geladeira velha gasta muito? Um pouco dessa crença tem a ver com o fato de os modelos antigos terem sido fabricados com tecnologias de menor eficiência energética.

Mas, além disso, qualquer eletrodoméstico com mais tempo de uso pode começar a gastar mais, justamente por precisar fazer mais “esforço” para desempenhar as mesmas tarefas de antes. Por isso, um aumento inesperado na conta de luz é, com certeza, um sinal de alerta.

Desligamento repentino

Vários fatores da rede elétrica podem estar fazendo com que a sua geladeira desligue repentinamente. O conselho é que você cheque. Pode ser o caso de simplesmente trocar a tomada. No entanto, se o problema é na própria geladeira, você precisa identificar a causa, pois isso não é normal e pode ser um indicativo de que ela está precisando “se aposentar”.

Vazamentos

Geladeiras não devem vazar água, por dentro ou por fora. Se isso está ocorrendo, chame um técnico. Pode ser um problema fácil de consertar ou um indicativo de que é hora de comprar um equipamento novo. Um especialista saberá te orientar.

Ferrugem

Esse é um sinal claro do tempo e, além de prejudicar a aparência da geladeira, também pode interferir no seu funcionamento. Ferrugens podem ser indicativas de umidade excessiva, como no caso de um vazamento. Se alguma parte da sua geladeira está enferrujada, avalie se é viável trocá-la ou se é hora de pensar em trocar o aparelho inteiro.

Desgaste na borracha

Nem sempre o desgaste na borracha da porta significa que a vida útil do seu aparelho está chegando ao fim. É natural, especialmente se você precisa abrir e fechar a geladeira várias vezes ao dia. No entanto, se isso está acontecendo, você precisa trocar a borracha o mais rápido possível, porque se a geladeira não fica bem vedada, o ar frio sai e ela precisa se esforçar mais para manter a temperatura. Além de aumentar a conta de energia, isso pode ocasionar outros problemas no sistema do aparelho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *