Brasil no pódio: país está em 3º lugar dos que mais bebem cerveja, diz pesquisa

Essa bebida alcoólica é a mais consumida no país, estando presente nos mais diferentes contextos: aniversários, eventos familiares, casamento e festas. Descubra o porquê!

As preferências gastronômicas marcam a cultura de cada país. Enquanto Cuba é reconhecida por produzir o melhor rum do planeta, o México é famoso por sua tequila e, o Japão, por seu saquê. Já a Irlanda e a Escócia têm o whisky como um patrimônio cultural.

No Brasil, uma das bebidas mais famosas é a caipirinha. Contudo, a cerveja segue sendo a bebida mais consumida do país. Alguns fatores ajudam a compreender o porquê, como o clima quente e o fato da cerveja ter um baixo teor alcoólico (em comparação a outras bebidas alcoólicas).

Recentemente, uma pesquisa mostrou que o Brasil ocupa o terceiro lugar no ranking dos países que mais consomem cervejas no planeta. Confira mais sobre a produção dessa bebida no país a seguir.

Pesquisa

Uma compilação de dados de pesquisas feitas pela Euromonitor, Credit Suisse e  Statista, especializadas em dados de mercado e consumidores, mostra que o Brasil é o terceiro maior consumidor mundial de cerveja, perdendo apenas para a China e os Estados Unidos, respectivamente.

Essas pesquisas apontam que os brasileiros consomem nada menos do que 7% da cerveja mundial (porcentagens que são de 27% e 13% para a China e EUA). Com uma média de seis litros da bebida por mês, os brasileiros gastam uma média de R$46 por semana, o que corresponde a 16,7% do salário mínimo no país. 

E quais são os principais fatores que influenciam na hora de escolher determinada marca? O sabor aparece em primeiro lugar, seguido por preço e tipo da cerveja. Aquelas embaladas em garrafa são mais populares (47%) do que aquelas em latas de alumínio (39%).

Gelada

Diferentemente do que ocorre em muitos países, a regra da cerveja no Brasil é ser gelada. Além do clima quente, outra razão para isso é o fato da Pilsen ser o tipo mais consumido no país.

Sendo parte da família das cervejas American Lager, esse tipo de cerveja surgiu na República Tcheca e leva o nome de sua cidade natal (Pilsen). A receita industrializada amplamente consumida no Brasil utiliza grãos de milho e arroz, o que traz maior sensação de leveza ao paladar de quem a consome e tem uma função mais refrescante.

História

No Brasil, as primeiras chegaram no início do século XIX, desde que Portugal fez um acordo comercial que permitiu a importação de produtos ingleses por sua colônia na América.

As cervejas do tipo Ale logo se tornaram as mais consumidas. A produção artesanal brasileira começou em função do aumento dos impostos sobre os produtos ingleses definido pela Coroa Portuguesa.

Essa produção caseira foi iniciada por colonos alemães e ingleses que viviam aqui, utilizando como principais ingredientes o trigo, o arroz e o milho — já que o lúpulo e a cevada eram importados (logo, mais caros). Inicialmente, essa produção artesanal era destinada a consumo próprio, porém, a partir de 1850, algumas pequenas cervejarias foram abertas no país.

Data oficial

O Dia da Cerveja Brasileira é comemorado no dia 5 de junho. A data surgiu em 2012, a partir de uma homenagem ao cervejeiro Rupprecht Loeffler. Nascido em Santa Catarina, ele foi o profissional da área que trabalhou com cerveja por mais tempo no país e o dia do seu aniversário de morte foi escolhido como a data pelos amantes da cerveja.

Até hoje, a família Loeffler mantém o legado de Rupprecht e mantém aberta a cervejaria mais antiga do Brasil, na cidade de Canoinhas, no interior do estado. Em outros lugares do mundo, o dia da cerveja é em 3 de agosto.

Leitura recomendada link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *