Por que a geladeira estala?

Você acabou de jantar, lavou e secou as louças, deixou a cozinha em ordem. Escova os dentes e finalmente se deita para descansar quando começa a ouvir um barulho estranho. Ao levantar para ver de onde vem aquele barulho, percebe que é a geladeira estalando no meio da madrugada. Essa cena pode se tornar comum e deixar os moradores de uma casa preocupados sobre o estado do eletrodoméstico.

Se você já passou por isso e talvez precise de ajuda para adquirir melhores geladeiras, confira as razões mais comuns para esse estalo e como resolver isso de forma prática e econômica!

Funcionamento normal

Os ruídos advindos de eletrodomésticos podem indicar que o produto está funcionando corretamente. No caso da geladeira, eles podem indicar que o compressor está funcionando (e trabalhando em alta rotação para consumir menos energia e apresentar melhor desempenho). O ruído também pode ocorrer em função do fluxo de água.

Em sistemas de refrigeração frost free, outro ruído frequente é produzido pela circulação de ar. Nesse tipo de geladeira, é comum ouvir ruídos quando está ocorrendo o degelo. Um dos tipos de ruído produzidos por um eletrodomésticos é o estalo, que pode acontecer em vários equipamentos além da geladeira, como o micro-ondas, o fogão, a máquina de lavar louças, a televisão, a máquina de lavar, entre outros.

É importante dizer que a emissão de ruídos não indica necessariamente um problema específico daquele eletrodoméstico, pois isso pode ocorrer em praticamente todos os aparelhos. O recomendado é ficar atento se isso ocorre diariamente e se os ruídos emitidos são altos (esses dois fatores, juntos, é que podem ser sinal de que há algo errado).

Diferença de temperatura

Uma das origens desse estalo na geladeira é o fato de ela manter uma grande diferença de temperatura entre suas partes interna e externa. Quanto maior a agitação dessas moléculas, mais o eletrodoméstico dilata. Por outro lado, quanto mais fria a temperatura do aparelho, mais ele contrai. Ou seja: essa diferença entre o interior e o exterior da geladeira acaba produzindo movimentos contrários de dilatação e contração, o que origina esses estalos.

É verdade que é mais comum que os estalos ocorram quando há contração, ou seja, quando a temperatura está mais baixa. É por isso que é durante a noite (e especialmente na madrugada) que esses estalos são mais frequentes. Outro fator que contribui para esses estalos serem mais percebidos durante a noite, evidentemente, é o fato de este ser o momento mais silencioso do dia.

Problemas

Contudo, quando os estalos são altos e ocorrem frequentemente, isso pode ser sinal de que a sua geladeira está com problemas. Um deles é haver falhas no transporte e deslocamento utilizado para levar a geladeira da loja à sua casa. É recomendado que o aparelho não fique inclinado a mais de 40 graus, pois isso pode provocar vazamento de óleo, o que prejudica o refrigerador antes de a geladeira ser usada.

Quando a geladeira já está instalada na casa e começou a apresentar estalos depois de um bom tempo, isso pode estar associado a fatores como armazenar alimentos ainda quentes em seu interior e haver muitos alimentos dispostos na porta. Outro hábito que prejudica o funcionamento da geladeira é deixar pouco espaço entre ela e a parede, o que acaba sobrecarregando a refrigeração e danificando o funcionamento adequado do aparelho a longo prazo.

Soluções

Um profissional pode apontar com mais clareza a origem do estalo da sua geladeira. O recomendado, geralmente, é deixar a geladeira afastada 15 centímetros em relação à parede, evitar armazenar alimentos que estejam ainda quentes e colocar um calço ou ajustar os pés da geladeira para evitar um apoio inadequado, que costuma favorecer a vibração ruidosa do aparelho.

Apesar de ser um eletrodoméstico robusto e complexo, a geladeira pode apresentar muitos problemas, sobretudo se os protocolos de cuidados e manutenção indicados pelo fabricante não são seguidos. Por isso, se os estalos ocorrem com bastante frequência e são altos, é recomendado buscar ajuda profissional para verificar se há algum problema mais grave.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *